Glartek: os portugueses que foram mais longe no pitch do Web Summit

A Glartek tem pouco mais de um ano e uma equipa de seis pessoas que, no próximo mês de janeiro, vai acolher dois novos elementos. Um nono, para a posição debackend developer, ainda não está escolhido. São os criadores de uma aplicação que vem facilitar a manutenção industrial. Como? Além de auxiliar no diagnóstico de problemas com tecnologia de realidade aumentada, diminui a burocracia que tantas vezes atrasa a produção. Mais eficiência também significa menos custos. Estes foram alguns dos argumentos que ajudaram a convencer o júri.

Fonte: Eco
Autor: Paulo Bandeira

Comments are closed.